Arquivo da categoria: Paisagens

Página dedicada ao registro de imagens de paisagens ao redor do mundo, de encher os olhos de qualquer pessoa, cujas imagens falam por si só. São locais badalados, disputados, de difícil acesso e, por vezes, motivo de frustração ao não se conseguir um bom horário, um bom dia ou a melhor posição para registra-los.

Lagos Andinos, Chile

Ah, os Lagos Andinos! Você já viu algumas imagens fantásticas em posts anteriores do Vulcão Osorno, o Lago Lhanquihue e a cidade de Puerto Varas etc.

Passear pelo Lhanquihue é pura emoção, a partir da entrada para a Baía de Todos Los Santos, a 70 km de Puerto Varas. De lá se pode avistar o Vulcão Osorno e o Vulcão Cabulco, tão imponente quanto o seu companheiro.

Os Lagos Andinos são um presente de natureza que só podem ser descritos por meio de uma visita prolongada. Você pode circular o lago todo de carro ou de barco e apreciar o que há de melhor na região.

Quando for ao sul do Chile, aproveite ao máximo e terá muito o que contar pelo resto da vida.

Parque das Aves (Foz)

Quem visita as Cataratas do Iguaçu não consegue resistir ao encanto do Parque das Aves. Basta atravessar a rua e em poucos segundo você se depara com uma beleza indescritível quando se trata da flora e da fauna brasileira.

O Parque das Aves abriga diferentes espécies da fauna brasileira tais como tucano, araras, flamingos, papagaios e até mesmo a enorme harpia, só vista em grandes alturas (penhascos, cânions, montanhas etc.).

Além das aves, há também espécies répteis e uma variedade imensa de plantas que podem ser apreciadas do início ao fim do passeio. Para quem gosta de fotografia, é impossível sair de lá em menos de duas ou três horas de visita.

Visitamos Foz do Iguaçu a cada dois anos e cada visita é sempre um convite ao prazer para quem gosta de natureza, bichos, fotos e, principalmente, cores.

Quando estiver em Foz do Iguaçu, aproveite, não perca isso por nada.

Cataratas do Iguaçu

Foz do Iguaçu está localizada no extremo oeste do Estado do Paraná, há 660 km da capital Curitiba e faz fronteira com o Paraguai.

Em qualquer época do ano, as Cataratas do Iguaçu são deslumbrantes. É difícil não querer voltar, não importa a idade.  Não é a toa que foi eleita uma das 7 maravilhas da natureza.

Somos fãs do local e procuramos ir a cada dois anos, pois sempre haverá um ângulo novo, uma vista nova, uma atração que ainda não havia sigo contemplada.

Impossível esquecer, difícil não voltar!

 

Botanical Garden, NY

Já dissemos em outro post que o The New York Botanical Garden vale a visita, pois, além de fugir daquela confusão generalizada que a capital do mundo proporciona na Times Square, você ainda pode colecionar milhares de imagens fantásticas em qualquer câmera ou mesmo no celular.

O outono é sempre uma data super aguardada, pois o multicolorido dos parques transforma a cidade em milhares de cartões postais e isso, por si só, transformam a visita numa experiência indescritível.

Essa é apenas uma centenas de imagens que tivemos a felicidade de apreciar durante a nossa última visita (Nov, 2016), motivo pelo qual a opção pelo Botanical Garden será sempre recomendado aqui nesse blog e nas redes sociais.

Melhor do que apreciar a imagem é investir um dia para apreciar aquilo que as palavras não são capazes de transmitir.  Desejamos muito que você aprecie a imagem e tenha a feliz oportunidade de conhecer uma das mais belas paisagens de New York.

Reflexos no Central Park

Ah, o Central Park! É de tirar o fôlego em qualquer época do ano, mas o outono e a primavera são especiais. Além do mais, a cidade de Nova Iorque sabe como agradar o turista em qualquer uma de suas atrações.

O Central Park recebe milhares de visitantes todos os dias e, por mais que você visite uma ou duas vezes, você vai voltar todas as vezes em que estiver por lá, pois sempre existem coisas novas para se admirar.

Com um pouco de paciência e disposição, em qualquer local ou ângulo do parque, as imagens são impressionantes. Contudo, bom mesmo é caminhar pelo parque com a disposição de um atleta e o olhar crítico de um artista que não se cansa de apreciar a beleza do lugar.

Simplesmente inesquecível!

 

Cores do Central Park

O Central Park de Nova Iorque é visita obrigatória para turistas do mundo todo, mas é necessário paciência e disposição para admirar os melhores ângulos do parque.

Ao chegar cedo, pode-se aproveitar o sol da manhã, o céu azul da tarde e, com um pouco de sorte, o por-do-sol que, em qualquer época do ano, é sempre perseguido pelos turistas.

As duas lagoas que habitam o parque oferecem paisagens de tirar o fôlego. Nessa imagem é possível presenciar um artista novaiorquino extraindo o melhor do colorido do parque com seus pincéis e a paciência típica de quem sabe apreciar a natureza do lugar.

Em qualquer época do ano, o Central Park oferece imagens e emoções inexplicáveis.

The NY Botanical Garden

O Jardim Botânico de New York é uma experiência surreal, a qual recomendamos para quem gosta de ver algo diferente e lindo em qualquer época do ano.

Geralmente, as pessoas querem se infiltrar naquela multidão da Times Square, da 5a. Avenida ou do World Trade Center, mas o Jardim Botânico, com seus 2,4 hectares de vegetação nativa, é de tirar o fôlego.

Dentro da cúpula há também um Jardim Japonês que vale a visita, com o melhor da arte milenar japonesa de cultivar plantas de várias espécies e flores que transformam a imagem numa bela paisagem.

Quando for a New York, coloque na sua programação, fuja do tradicional e não vai se arrepender. Essa foto é de outubro de 2016, portanto, outono em New York. A primavera também é linda, comparece com outra imagem no site, logo abaixo.

Outono em New York City

New York City é o paraíso dos fotógrafos. Onde quer que você vá existe uma imagem à sua espera, não importa a câmera nem a sua experiência em fotografia.

O Central Park é um convite à fotografia, um festival de cores e tipos diferentes de todas as partes do mundo em qualquer época do ano, mas o outono e a primavera são especiais. Vale a pena conferir.

A foto em questão apresenta a Bow Bridge no primeiro lado do Central Park, a partir da 59th Street, a preferida dos casais que vão ao parque para registrar o seu mágico momento.

New York City sempre vale a pena!

Entre Frutillar e Puerto Varas

Entre Frutillar e Puerto Varas, ao sul do Chile, o visual é imperdível distribuído ao longo de 30 km de paisagens deslumbrantes por meio de uma pequena rodovia que margeia o famoso lago Llanquihue.

A imagem acima é resultado de uma rápida parada para contemplar o lago e o Vulcão Osorno (ao fundo, com o topo coberto pelas nuvens), entre milhares de outras que a gente encontra por lá.

Em torno do lago existem inúmeros ontos que valem o registro, seja do celular ou mesmo de uma máquina mais sofisticada. O importante é não perder a oportunidade de contemplar a beleza do lugar como se fosse a última coisa a se fazer na vida.

Se tiver que escolher entre Frutillar e Puerto Varas, aqui vai uma grande dica: escolha os dois. Ambos valem muito a pena!

Coisas lindas de Bonito

O nome da cidade é injusto. O correto seria Lindo ou Linda, mas Bonito também faz jus ao nome.

Há 300 km de Campo Grande, capital do Mato Grosso do Sul, Bonito tem tudo que você pode imaginar quando se trata de natureza: fauna, flora, águas cristalinas, um por-do-sol de tirar o fôlego, além da hospitalidade típica do interior do Brasil.

Se ainda não conhece, programe-se e não perca a oportunidade quando surgir. A cidade tem um comércio intenso, voltado para o turismo, hotéis e pousadas para todos os gostos e possibilidades.

Se decidir, uma semana é mais do que suficiente para conhecer as principais atrações da cidade. Se vamos voltar? Não tenha a menor dúvida, na primeira oportunidade.

Na foto, a cachoeira do Elefante, uma das inúmeras cachoeiras distribuídas em diferentes pontos da cidade. Sem demagogia, Bonito é bonito demais! É lindo!